Procurando algo?

REVISTA ABEM v. 26 nº 41

Caras(os) colegas; Com satisfação, informamos que a Revista da Abem v. 26, n. 41 (2018) já está no ar. À professora Regina Finck Schambeck o nosso reconhecimento pelo impecável trabalho como Editora do periódico. Uma excelente leitura para todas(os) Segue o link: REVISTA DA ABEM  - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE EDUCAÇÃO MUSICAL

INVERSÃO DE ACORDES

Imagem compartilhada por Luiz Rosa:

INSTRUMENTOS MUSICAIS CASEIROS – Prof. Marcos De Souza

A música é um mundo de descobertas que traz consigo uma sensação de magia para as crianças de todas as idades. Além disso, se nós fornecemos a oportunidade e estimulo corretos para que as crianças construam seus instrumentos musicais, eles irão aprender e se encantar com o universo musical. Deixo com vocês alguns projetos para estimular esta aprendizagem em forma de brincadeira. 

INSTRUÇÕES PARA CONSTRUÇÃO

A guitarra é um instrumento muito admirado por todas as crianças. Ela pode ser facilmente construída a partir de uma caixa de papelão, fazendo com que borrachas elásticas funcionem como cordas do instrumento. Você tem que fazer apenas pequenos furos em ambos os lados da caixa e ligar o elástico sobre estes lados. Dessa forma você obtém a base da guitarra. Se desejar, você pode adicionar algum material extra para simular o braço alongado do instrumento.

MARACAS 

As maracas são fáceis de criar. Para isso, você precisa de uma garrafa de plástico pequena e um punhado de grãos. Quando inserido na garrafa, obtém-se um efeito de chocalho musical, que cada aluno pode acompanhar com seu próprio ritmo. E, se quiser você pode enfeitar a garrafa para atrair ainda mais a atenção das crianças, lembre-se que as cores embelezam o instrumento.

XILOFONE

O xilofone é outro divertido e descomplicado instrumento musical utilizado para criar. Primeiro você deve reunir várias garrafas de vidro duro. Encha-os com água cada uma com diferentes quantidades. Uma sugestão é adicionar algumas gotas colorida,s cada uma com cores diferentes para dar um efeito mais divertido. Coloque-as todas juntos e utilize colheres de madeira para tocar, os pequenos irão amar.

BATERIA

A bateria (imagem inicial deste post) pode ser construída usando diferentes materiais: madeira, papelão, latas e tudo o que você puder pensar. Lixe-os cantos cortantes e utilize cola, dependendo do material que você escolheu, podem-se fazer música usando baquetas (colheres) de madeira ou metal para diferentes sons.

PANDEIRO

Um pandeiro é outro instrumento musical fácil, mas neste caso deve se ter a ajuda de um adulto. Você precisa amassar tampinhas de metal, depois amarre com arame em algo redondo, como tubos de papelão ou garrafas de plástico. Pegue a garrafa ou tubo e corte dois círculos. Agora faça furos no centro de todas as tampinhas. Quando estiver pronto, é hora de fixar as tampinhas nos círculos em pares. Passe um pedaço de fio através dos furos e cole as extremidades do fio em cada círculo com fita. Deixe uns poucos centímetros de distância entre as duas circunferências.


Quer saber mais? Visite nossa página e confira vários projetos musicais. Você pode personalizar os seus instrumentos de pintá-las em cores e decorar-lo ao seu gosto de modo a obter um efeito mais pessoal.

IDEIAS TRANSFORMADAS EM MÚSICA

III SIMPÓSIO DE ESTÉTICA E FILOSOFIA DA MÚSICA

A organização do III Simpósio de Estética e Filosofia da Música – SEFiM/UFRGS convida pesquisadores, professores, profissionais em geral e estudantes da graduação e pós-graduação da área da Música, Educação e Filosofia para submeterem propostas de trabalhos para o evento, conforme as especificações desta Chamada. As propostas de trabalho deverão se encaixar em um dos eixos temáticos abaixo:
* Estética e Filosofia da Música.
* Estéticas, arranjos e composições.
* Experiências estéticas e Educação Musical.
* Educação, arte e formação estética.

Os trabalhos poderão ser submetidos apenas na modalidade Resumo. Todos os resumos expandidos aprovados serão publicados. Serão publicados na modalidade Trabalho Completo, em um número especial dos Anais, os resumos indicados pelos avaliadores durante o processo de avaliação pelos pares.
Envio de trabalhos: Os trabalhos deverão ser formatados de acordo com as exigências e enviados no ato da inscrição. Os mesmos deverão ser submetidos na página dos Anais do SEFiM em http://www.ufrgs.br/sefim/ojs/index.php/sm

As normas para formatação estão disponíveis na página do evento ufrgs.br/esteticaefilosofiadamusica, no tópico SUBMISSÃO DE TRABALHOS.
* Na página dos Anais ufrgs.br/sefim/ojs/index.php/sm/index no tópico SOBRE em DIRETRIZES PARA AUTORES.
*Autores e coautores deverão estar necessariamente inscritos no evento.

Datas e prazos importantes 
10/02/2019 – 15/05/2019 - Submissão de trabalhos.
16/04/2019 – 21/05/2019 - Avaliação pelos pareceristas.
02/05/2019 - Divulgação dos resultados.
23 a 25/09/2016 - III SEFiM/UFRGS. Organização do SEFiM - Porto Alegre, 2019